Terça-feira, 14 de Outubro de 2008
Autódromo Internacional Algarve

Quem é que alinha numa "kartingada" nesta pista novinha? Depois de Palmela, esta é a próxima meta de Kimi Morgado!

 

 

 

 


tags:

publicado por rjm99 às 00:16
link do post | Digam coisas | favorito

3 comentários:
De Filipe a 14 de Outubro de 2008 às 11:13
Caro amigo,

paixões são paixões, nada contra. Aliás, um dia hás-de iniciar-me às corridas de kart (sim sou virgem) e provavlelmente dado ao meu baixo centro de gravidade (e talento para qualque desporto e actividade) ficarás quase sempre no meu retrovisor, tu que com essas pernas longas (e feias) ficas com os joelhos junto ao queixo, mas esse monstro que publicitas custou (e está a custar) 200 milhoes de euros. Gostava de saber com quanto entrou o Estado (ou seja nós, mais tu que eu é certo, ainda não pago imposto aí em portugal, só a aprtir de janeiro), e mais, gostava de saber que viabilidade tem uma coisa dessas? 140 mil espectadores de capacidade! enfim... eu fico cada vez masi impressionado com o dinheiro que afinal há...


De Gago a 15 de Outubro de 2008 às 10:53
Por acaso, perdi algum tempo a investigar se esta treta resultou de investimento estatal ou privado. As informações são muitas e raramente coerentes. Como convém a Portugal, claro. Ainda está para vir o dia em que se saiba o que acontece ao dinheiro dos "contribuintes" (um dia que tenha um blogue, ainda vou discorrer sobre a palavra "contribuinte"). Mas, pelo que me lembro, acho que isto aqui é tudo privado. Se bem que, claro, o Manel Pinho foi lá inaugurar. Para mostrar a presença do estado neste país que o Sócas foi para o parlamento dizer que era neoliberal e que por isso esta a sofrer com a crise.


De Filipe a 15 de Outubro de 2008 às 14:06
caro gago,

também tentei saber da coisa mas como dizes as informações são poucas. Quando publicitam que é tudo investimento provado nunca o é. Tal como Rui Rio e as suas corridas de automóveis no Porto. Há sempre um investimento público que nunca é pouco. Aliás o que faz com que possam dizer que é investimento provado é quando o dinheiro é emprestado pelo Estado, as garantias são dadas pelo Estado, logo por nós.

Para não falar de tudo o que implica uma coisa destas, acessos, rede electrica, esgotos, lixo, etc etc.

e não sei sequer se era área de construç=ao ou não.

Mas a minha grande dúvida é a viabilidade de um monstro destes. Sabendo o que se passa com o Autódromo do Estoril n=ao estou a ver 140 mil espectadores em mais de um ou dois eventos por ano (isto se se mantiverem grandes provas intenacionais).

Mas bom, cùa estaremos para ver.


Comentar post

Autores
pesquisar
 
Janeiro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23

25
26
27
28
29
30
31


O que já foi escrito

Um capítulo que terminou.

Cantinho do Fanático

Feliz 2009!!!

Véspera de Natal

O rolar de uma lágrima pe...

O regresso de o-mais-boni...

Santa baby...

Era brincadeirinha, pá!

Quase Jet 7 (e o Alvim es...

Boca do Inferno (ou a opi...

arquivos

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

tags

todas as tags

links
subscrever feeds
Fazer olhinhos
blogs SAPO