2 comentários:
De Daniel Martins a 19 de Abril de 2007 às 18:52
A escolha é difícil... e quando é assim temos de arranjar outros critérios para além da genialidade que nos permitam eleger um deles. Assim, escolho o golo do Messi. Primeiro, porque é um talento em crescimento, mas já demonstra um futebol fantástico. Segundo, o golo de Messi tem lugar no Campeonato Espanhol no ano de 2007. Ou seja, mesmo com o estudo (de cariz científico) de que são alvo vários jogadores, estes têm sempre um ás debaixo da manga para ludibriar os adversários. Terceiro, porque Messi exibe classe dentro e fora das quatro linhas. Basta recordar a recente campanha da Adidas cuja moral é fazer das adversidades uma vantagem. Esperemos que continue assim.


De lipemarujo a 20 de Abril de 2007 às 11:58
O golo foi para a Taça mas concordo com o Daniel, o de Messi é melhor. É mais rápido, o futebol anda muito mais depressa e é bem mais "atlético" que há 20 anos, a dificuldade do lance era superior no jogo de anteontem. Mas, e aqui o mas faz toda a diferença, o de Maradona é na Meia-final do Campeonato do Mundo, e é conseguido logo após o golo com a Mão de Deus, aliás há um vídeo delicioso onde o comentador inglês ainda está a resmungar do golo da mão quando o Dieguito pega na bola, só que depois é ouvi-lo rendido ao astro. Outro argumento é que o de Maradona foi primeiro, a discussão aliás assenta nisso, compara-se (tenta-se) Messi a Maradona e não o contrário e não só porque Maradona é passado mas porque, e aqui entra o argumento dogmático e como tal não discutível, Maradona foi o melhor de sempre. Abro uma ligeira excepção muito subjectiva, que é o facto do 10 argentino ter sido ultrapassado em certos detalhes por um senhor chamado Zidane, jogador que fez das coisas mais extraordinárias que eu vi num campo de futebol. Mas isto já são coisas minhas.
Abraço


Comentar post