Quinta-feira, 27 de Março de 2008
Hellas!

Aqueles que me são mais próximos dizem-me que nutro um ódiozinho especial por alguns jogadores de futebol. Confesso que, talvez por me conhecerem melhor do que eu mesmo, esse pessoal tem uma certa razão. No entanto, e depois de ver a confrangedora exibição portuguesa, ontem, contra a Grécia, pergunto-me: por quanto tempo mais vou ter de levar com o gajo do Montijo, com voz de menina, que joga do 13º classificado espanhol, na baliza da selecção? Dizem-me que o 2º golo é indefensável. Concordo. Mas e o primeiro?! O gajo deixa-se cair, derrotado e resignado, quando a bola ainda vai a meio do caminho. É isto que queremos para a nossa baliza? Para já não falar na insegurança que transmite aos colegas da defesa, quando é chamado a sair da baliza, socando toda e qualquer bola, mesmo com o adversário mais próximo a 10 metros de distância. Em nome dos superiores interesses da selecção, considero que Ricardo deveria abdicar do "trono" que Scolari lhe ofereceu há cerca de 5 anos. Por falar em Scolari e nas suas escolhas: alguém sabe onde pára o Bruno Vale? E por que razão não mais foi chamado à equipa do sargentão ? Estranho...

É indescritível a dor que senti ao ver a camisola 10 da Selecção Nacional envergada pelo... Custa mesmo dizê-lo... Carlos Martins! Isso não se faz! Todos aqueles que amam o futebol sabem do significado do número 10! Todos os que amam verdadeiramente o futebol sabem que o número 10 não deve ser para qualquer um, muito menos o número 10 da Selecção Nacional.



publicado por rjm99 às 20:16
link do post | Digam coisas | O que se disse (4) | favorito
|

Que triste filme

Nas últimas semanas, vi um país espantado e incrédulo a olhar para um filme amador que relatava uma situação autêntica, vivida numa sala de aula de uma escola do Grande Porto. Uma professora de francês tenta retirar o telemóvel a uma aluna. Esta insurge-se contra a atitude da docente e num tom agressivo e completamente desadequado, exige que o seu Nokia lhe seja imediatamente devolvido. Daí até as duas protagonistas se envolverem numa disputa física pela posse do telemóvel, passaram uns míseros segundos. Tudo isto com uma plateia composta pelos restantes alunos da turma, ávidos de sangue, que além de incentivarem a atitude da colega, ainda arranjaram tempo para filmar tudo.

 

Ora as reacções a este triste acontecimento apareceram envoltas em espanto e revolta. Mais do que a situação em si, espantaram-me duas coisas: a estupefacção com que estas imagens foram recebidas pelos portugueses e a atitude da professora.

Devo dizer que, independentemente de não conhecer o tipo de relação existente entre a turma e a professora, me parece de todo ridículo que uma professora se envolva num confronto físico com uma aluna no meio de uma aula.  Isto porque, pensar que a afirmação de um professor perante a turma se pode fazer à custa da imposição da autoridade é ridícula e leva a casos como este. O professor impor-se-á na turma graças aos seus conhecimentos científicos, às suas práticas pedagógicas e ao ensino/prática das mais elementares regras cívicas e democráticas. E quando se depara com situações de indisciplina gritante, como foi o caso, o professor tem já ao seu dispor um role de procedimentos que lhe permite resolver a situação rapidamente e continuar com a aula calmamente.

Relembro que a figura do mestre-escola morreu há uns bons 30 anos e não conheço ninguém, se excluirmos aqueles “velhos do Restelo” que dizem à boca cheia que no tempo deles é que era bom, que queira voltar a esse tempo.

 

É certo que a classe docente vive um momento de algum descrédito público, fruto da contestação com que tem recebido algumas medidas governamentais e da forma como reage ao terrorismo verbal de um ministério da educação que peca pela falta de bom senso e inteligência. No entanto, referir que o "filme" da Carolina Michaelis é fruto desse actual descrédito é ignorar situações parecidas que já tiveram lugar no passado, em que a única diferença, comparando com o momento presente, seria a inexistência de telemóveis tão sofisticados.

 

Sobre a aluna, que ao que parece será transferida para outra instituição de ensino, dizer apenas que naquele momento personificou toda a formação cívica e comportamental que foi recebendo ao longo da sua vida, ou seja, nenhuma. E essa seria, em primeiro lugar, uma responsabilidade dos pais.

 



publicado por rjm99 às 19:34
link do post | Digam coisas | O que se disse (1) | favorito
|

Sexta-feira, 21 de Março de 2008
Quando tiver 14 anos quero ser como ela!


publicado por Carol_k às 11:55
link do post | Digam coisas | O que se disse (1) | favorito
|

Sábado, 15 de Março de 2008
Cantinho do Fanático
A noite de 5 de Março de 2008 foi, sem dúvida, a noite de Neuer. Mas esta... Que belo sombrero.

tags:

publicado por rjm99 às 11:11
link do post | Digam coisas | O que se disse (1) | favorito
|

14 DE MARÇO 2008

ONTEM FOI FERIADO POR AQUI!

 



publicado por rjm99 às 10:58
link do post | Digam coisas | O que se disse (3) | favorito
|

Quinta-feira, 13 de Março de 2008
Subsídio de renda
Fiquei espantada quando descobri que o Governo aumentou o subsídio de renda dos juízes. Estava congelado desde 2003, decidiram agora actualizá-lo, passando de 700 para 775 euros mensais.

Os juízes devem ganhar mais? Aumente-se o salário dos juízes! Sou mesmo da opinião que devem ganhar valores bastante acima da média, tanto para compensar a responsabilidade imensa que têm de suportar, como para evitar que sejam corrompidos.

Porém, a questão aqui não é essa. Trata-se de um subsídio sem sentido, até porque se o juiz não estiver deslocado, tem este rendimento sempre à sua disposição. O mesmo se aplica aos deputados, que ao fim de 8 anos em Lisboa continuam a receber um subsídio de deslocação.

Acho retrógado. Escurece um pouco as suas remunerações, dificulta a clareza do sistema... Talvez seja altura de ter a coragem (sim, não é este o governo mais corajoso dos últimos 30 anos?) de mostrar que se dão aumentos, necessários, merecidos e visíveis? Ou querem que passe despercebido...?

Há coisas que não entendo.

Ps - Faz lembrar a situação dos deputados europeus, em que as "ajudas de custo" chegam a ser superiores ao seu salário. Se calhar o mal é geral!


publicado por Carol_k às 20:58
link do post | Digam coisas | favorito
|

Segunda-feira, 10 de Março de 2008
Esclarecimento
Alguns dos posts de opinião têm conteúdo. Gostei deste esclarecimento e tomei a libertade de o citar:

"Sou, desde 1982, professora de Língua e Cultura Portuguesas no Estrangeiro. Conheço bem os sistemas de ensino da Alemanha e da Suíça, os dois
países em que trabalhei longos anos.

Por isso, envio-vos aqui várias informações sobre os docentes e o ensino nos dois países, informações estas que poderão usar do modo que
vos for mais útil, e onde poderão ver que os professores mais explorados da Europa, são, sem sombra de dúvida, os docentes portugueses.


Alemanha

Avaliação dos docentes:

Têm, de 6 em 6 anos, uma aula ( 45 minutos) assistida pelo chefe da Direcção escolar. Essa assistência tem como objectivo a subida de
escalão.
Depois de atingido o topo da carreira, acabaram-se as assistências e não existe mais nenhuma avaliação.
Não existe nada semelhante ao nosso professor titular. Sempre gostava de saber onde foi o ME buscar tal ideia. Existem, claro, quadros de
escola.
Não existe diferença entre horas lectivas e não lectivas. Os horários completos variam entre 25 e 28 horas semanais.
As reuniões para efeito de avaliação dos alunos têm lugar durante o tempo de funcionamento escolar normal,nunca durante o período de férias. Sempre achei um pouco preverso os meninos irem de férias e os professores ficarem a fazer reuniões...
Tanto na Alemanha como na Suíça, França e Luxemburgo, durante os períodos de férias as escolas encontram-se encerradas! Encerradas para
todos, alunos, pais, professores e pessoal de Secretaria! Os alunos e os professores têm exactamente o mesmo tempo de férias. Não existe
essa dicotomia idiota entre interrupções lectivas, férias, etc.
As escolas não são centros de recreio nem servem para "guardar" os alunos enquanto os pais estão a trabalhar.
Nas escolas de Ensino Primário as aulas vão das 8.00 às 13 ou 14 horas.
Nos outros níveis começam às 8 .00 ou 8.30 e terminam às 16.00 ou, a partir do 10° ano,às 17.00.
Total de dias de férias por ano lectivo : cerca de 80 ( pode haver ligeiras diferenças de estado para estado)

Alunos

Claro que existem problemas de disciplina. Mas é inaudito os alunos, ou os pais dos mesmos, agredirem os professores. A agressão física de
um professor por um aluno pode levar à expulsão do último.
Os trabalhos de casa existem e são para serem feitos. É absolutamente inconcebível que um encarregado de educação declare que o seu
filho/filha não tem nada que fazer trabalhos de casa, como acontece, ao que sei, em Portugal.
É terminantemente proibido os alunos terem os telemóveis ligados e utilizarem-nos durante as aulas. As penas para tal são primeiro aviso
aos pais, depois confiscação do telemóvel e por fim multa.

"Suíça

Tal como na Alemanha, os professores só são assistidos durante o período de formação e para subida de escalão.
Durante os períodos de férias as escolas encontram-se, como na Alemanha, encerradas.
Os horários escolares são semelhantes aos da Alemanha. Até ao 4° ano de escolaridade, inclusive, não há aulas de tarde às quartas-feiras, terminam cerca das 11.30.
No início das aulas os alunos cumprimentam o professor apertando-lhe a mão e despedem-se do mesmo modo. Claro que não há 28 ou 30 alunos numa
classe, mas no máximo 22.
O telemóvel tem de estar desligado durante as aulas.
É dada grande importância aos trabalhos de casa. A não apresentação dos mesmos implica descida de nota final.
Total de dias de férias : cerca de 72 ( pode haver diferenças de cantão para cantão) .

Vencimentos

Só uma pequena comparação ... na Suíça um professor do pré- primário
no topo da carreira recebe 5.200 francos mensais líquidos ( cerca de 3.400 euros),mais ou menos o dobro do que vence um professor em Portugal no topo da carreira.....

Espero não ter abusado da vossa paciência com a minha exposição.
Porém, acho que ficou claro que, se o ensino em Portugal se encontra em péssimo estado.
A culpa não é dos professores, mas sim de um ME vendido aos empresários, que tem como objectivo actual a quase extinção da escola pública, para que a mesma produza analfabetos funcionais, que
trabalharão sem caixa médica e sem subsídio de férias , porque nem sabem o que isso é, e se souberem, não poderão reclamar porque não
saberão escrever uma carta em termos.... Isto para não mencionar as massas que se entregarão à criminalidade, prostituição, etc."

Fonte: http://www.portugaldiario.iol.pt/noticia.p

música: Professores, Justiça, Política

publicado por Carol_k às 22:59
link do post | Digam coisas | O que se disse (2) | favorito
|

O Post da Desilusão
É o desprezo por 100 mil na rua, é o ministro que diz, COM AS LETRAS TODAS, que Álvaro Cunhal não contribuiu para a Liberdade em Portugal...

Qualquer dia estes "socialistas" ainda sugerem que se deixe de celebrar o25 de Abril e se passe o feriado para um outro diazinho que, segundo as mais recentes modas, é o verdadeiro dia da libertação.

Este país começa a tirar-me o sono...


publicado por Carol_k às 14:27
link do post | Digam coisas | O que se disse (2) | favorito
|

Quinta-feira, 6 de Março de 2008
Ecuador, Colombia y Estados Unidos

«A pesar de que las FARC han hecho público un comunicado por el cual indican que el asesinato de Raúl Reyes no afectará a las negociaciones por el intercambio humanitario, lo cierto es que los objetivos del presidente Uribe son claros: bloquear el proceso de entrega de rehenes de tal manera que quede bloqueada la posibilidad de devolución por parte de las FARC de Ingrid Betancourt.

Si bien la voluntad del ejecutivo colombiano de que Betancourt no regrese viva es una realidad difícilmente cuestionable, lo cierto es que tras las declaraciones de los cuatro ex congresistas liberados el pasado 27 de febrero, donde se indicaba la voluntad de la secuestrada de presentarse a las elecciones presidenciales de Colombia con un programa de paz para este país, ha puesto muy nervioso a Uribe.

Paralelamente a esto, la intervención colombiana en el Ecuador, pretende claramente convertir al país vecino, en una suerte de Camboya, con respecto al conflicto militar colombiano.

La finalización del acuerdo suscrito por 10 años entre los gobiernos de Ecuador y Estados Unidos, para la utilización por parte de las fuerzas armadas norteamericanas de la base de Manta, el cual expirará a finales del presente año, y sobre el cual ya se ha posicionado el presidente Correa, con respecto a su voluntad de no renovarlo, también es un elemento a tener en cuenta en la escalada de la crisis diplomática en el área andina.

La base de Manta es una herramienta fundamental dentro de la estructura y estrategia del Plan Colombia, y aunque el gobierno norteamericano no ha hecho declaraciones en firme sobre su salida de la base a finales del 2008, es evidente que forma parte de su agenda de preocupaciones con respecto a la nueva política desarrollada en el Ecuador a partir de la llegada al poder de la llamada “Revolución Ciudadana”.»

Será que depois de lermos este texto conseguimos perceber melhor os acontecimentos dos últimos dias?



publicado por rjm99 às 16:30
link do post | Digam coisas | favorito
|

Don Morgadone

Um dos meus filmes favoritos! Um dia gostava de ser mafioso. Alguns dizem que já sou um bocadinho, mas até chegar a ser um Don Corleone...

 

Quero deixar um abraço para o grande companheiro, e afilhado, João Nuno!

 

Ass: Don Morgadone



publicado por rjm99 às 15:25
link do post | Digam coisas | favorito
|

Autores
pesquisar
 
Janeiro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23

25
26
27
28
29
30
31


O que já foi escrito

Um capítulo que terminou.

Cantinho do Fanático

Feliz 2009!!!

Véspera de Natal

O rolar de uma lágrima pe...

O regresso de o-mais-boni...

Santa baby...

Era brincadeirinha, pá!

Quase Jet 7 (e o Alvim es...

Boca do Inferno (ou a opi...

arquivos

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

tags

todas as tags

links
subscrever feeds
Värnamo
Lisboa
Fazer olhinhos
blogs SAPO